Projeção de dissídio salarial: Entenda a importância de planejar

Projeção de dissídio salarial: Entenda a importância de planejar
14/05/2019 | Recursos Humanos

Ao invés de escrever nesse artigo sobre os diversos tipos de dissídios existentes, vamos abordar o mais comum e comentado, que é o dissídio coletivo referente ao reajuste salarial anual, também conhecido como “dissídio salarial” ou “cálculo de dissídio”.

Nesse caso, o sindicato indica qual foi a taxa de reajuste salarial determinada em convenção coletiva e a mesma é aplicada para todos os colaboradores da empresa, representados por tal entidade sindical. Se por acaso, esse reajuste não for projetado no planejamento financeiro da empresa, qual o impacto no fluxo de caixa? Acredite, pode ser desastroso.

O impacto no fluxo de caixa

Vamos imaginar uma empresa com a folha de pagamento girando em torno de R$30 milhões. Vamos supor também que o dissídio salarial determinou um reajuste de 3% para aquele ano. Em um cálculo básico, o reajuste salarial totalizaria R$900.000. Supondo que esse acréscimo de salário vigorasse a partir de maio, até dezembro geraria um impacto de R$6.300.000 no fluxo de caixa.

Só que esse é somente um cálculo básico. A folha de pagamento possui outros encargos que também sofreriam o reajuste determinado no dissídio, como FGTS, férias, horas extras, benefícios, entre outros. Logo, o impacto que estamos falando seria muito maior. 

Projeção do dissídio coletivo

Muitas empresas fazem o planejamento de RH e realizam a projeção de dissídio coletivo. Desta forma, a corporação prepara o fluxo de caixa para o reajuste determinado pelo sindicato. Como na maioria das vezes o planejamento financeiro é realizado com antecedência, as empresas utilizam uma estimativa de valor, baseando-se em dados históricos, para estabelecer uma previsão de reajuste.

Em alguns casos, dependendo da diretiva do sindicato, é estabelecido um teto limite de aumento salarial, que também auxilia as empresas nessa projeção. Portanto, a projeção de dissídio é indispensável para um planejamento de RH ajustado e assertivo e consequentemente, para um planejamento orçamentário mais coeso e preciso.

É de extrema importância que a empresa prepare o fluxo de caixa para a esse aumento nos encargos da folha de pagamento a fim de manter as finanças empresariais sob controle. Planeje e esteja a um passo à frente. 

Leia Também

Planejamento orçamentário: 5 dificuldades que fazem médias e grandes empresas automatizarem o processo

21/01/2020

Planejamento orçamentário: 5 dificuldades que fazem médias e grandes empresas automatizarem o processo

Atrás de dezenas de planilhas eletrônicas, fórmulas e números encontramos os analistas de controladoria, muitas vezes dedicados em realizar o famoso “copia e cola” de uma planilha para a outra para consolidar o planejamento orçamentário e preparar uma apresentação gráfica para a diretoria. [Leia mais]

Planejamento de RH: Saiba mais sobre esse recurso indispensável

29/06/2017

Planejamento de RH: Saiba mais sobre esse recurso indispensável

Você saberia dizer qual a maior fonte de despesas de uma empresa? Normalmente, a folha de pagamento representa até 80% das despesas de uma companhia. Portanto, para um planejamento orçamentário eficiente, a projeção da folha é fundamental. [Leia mais]

Planejamento de férias empresariais: Otimize a sua gestão orçamentária

13/12/2016

Planejamento de férias empresariais: Otimize a sua gestão orçamentária

É quase unânime. Todo o final de ano, as pessoas arrumam as malas e vão descansar junto com a família, conhecer lugares diferentes, fazer turismo ecológico ou alguma viagem qualquer. De qualquer forma, é nessa época de festividades de encerramento do ano em que a maioria das pessoas costumam tirar férias, para conciliar com o recesso escolar ou férias coletivas de demais empresas. [Leia mais]

Sobre a Allstrategy

A AllStrategy possui uma vasta experiência em transformar a gestão orçamentária de diversas empresas. No blog, reunimos o melhor conteúdo, com artigos exclusivos, que farão parte do seu dia a dia.