Blog, Tesouraria

Inadimplência empresarial: como evitar que seu caixa seja afetado

Inadimplência empresarial: como evitar que seu caixa seja afetado

A inadimplência empresarial é um problema que causa preocupação para o setor financeiro de qualquer negócio. Seus efeitos podem provocar prejuízos profundos para a organização, já que impacta diretamente no fluxo de caixa da empresa.

É uma questão comum na realidade corporativa, e organizações dos mais variados segmentos podem sentir seus impactos em maior ou menor grau. Neste sentido, saber como gerenciar o risco de inadimplência é essencial para minimizar o impacto financeiro.

Neste conteúdo, entenda como a inadimplência pode afetar um negócio, quais as dicas para diminuí-la — com estratégias assertivas que garantem a saúde financeira globalmente.

Software Alstrategy Fluxo

Como a inadimplência afeta uma empresa?

A inadimplência acontece quando um cliente (seja uma pessoa física ou jurídica) não arca com seus compromissos financeiros, deixando de pagar seus fornecedores. A partir do momento que uma compra é feita e o pagamento não é realizado, o cliente torna-se inadimplente e começa a afetar o fluxo de caixa da empresa para quem deve.

Quanto maior a taxa de inadimplência, maior o desafio da gestão em manter o orçamento em equilíbrio, impactando todo o negócio, o que acarreta:

  • Maior dificuldade de arcar com os compromissos financeiros;
  • Necessidade de buscar por alternativas como linhas de crédito ou empréstimos, por exemplo, ocasionando gastos extras com taxas de juros;
  • Impossibilita investimentos no desenvolvimento do negócio;
  • Prejudica seu relacionamento com os clientes.

Como minimizar a inadimplência nos seus negócios?

A seguir, você confere algumas dicas para reduzir a taxa de inadimplência e, assim, garantir o crescimento e o futuro da organização, sem comprometer os resultados financeiros.

1)   Entenda o perfil de clientes que sua empresa possui

Conhecer seus clientes é essencial para entender os motivos da inadimplência. Isso também auxilia quando oferecer uma proposta para quitar a dívida. Comece por um cadastro com as informações mais importantes sobre o cliente, como:

  • Dados pessoais;
  • Potencial de crédito;
  • Histórico de compras;
  • Histórico de pagamento.

2)   Diversifique formas para pagamento

Aceitar mais opções de pagamento é uma estratégia importante para chegar em um acordo e estimular o pagamento de dívidas. Já é possível oferecer diversas opções de bandeiras de cartão de crédito, pagamento por transferência bancária, PIX, etc.

3)   Recompense quem paga no prazo

Uma forma de incentivar o pagamento em dia é usar recursos para recompensar quem cumpre com suas obrigações financeiras conforme os prazos. Além de ser um estímulo para o cliente, ainda o aproxima do seu negócio com um diferencial.

Seja um desconto para a próxima compra ou um serviço adicional, o cliente sente-se mais motivado a fazer o pagamento em dia se tiver, em troca, uma recompensa por cumprir com suas obrigações financeiras no prazo.

4)   Estruture uma equipe de cobrança

É fundamental que a empresa tenha um time capacitado para realizar as cobranças, com o treinamento necessário para realizar a operação. Isso significa conhecimentos do Código de Defesa do Consumidor e um atendimento cordial, evitando o constrangimento para o cliente e facilitando o sucesso da negociação.

5)   Negocie prazos e valores

A negociação deve fazer parte do processo, uma vez que novas soluções podem ser propostas para quitar uma dívida. Neste sentido, é importante ter abertura para negociar e mostrar um entendimento da situação do cliente, bem como sua disposição para ajudá-lo a resolver a situação.

Você pode oferecer alternativas de pagamento à vista com desconto, por exemplo, ou em disponibilizar um número maior de parcelas para o pagamento. Neste ponto, é importante garantir que a relação com o cliente não seja prejudicada pela inadimplência.

Automatize sua gestão de tesouraria

A tecnologia é um grande diferencial na rotina da tesouraria, principalmente por concentrar as informações necessárias para as operações em um só lugar. Existem sistemas integrados que contam com recursos para facilitar o acompanhamento de clientes inadimplentes e das contas a receber.

Dessa forma, os gestores conseguem visualizar rapidamente quais recebimentos estão em dia ou atrasados, e quais os impactos que a inadimplência de determinado cliente pode causar no gerenciamento de contas do negócio. Com a automação, o processo torna-se mais ágil.

Software de gestão para reduzir inadimplência

É fato que as empresas precisam lidar com a inadimplência de forma que cause o menor impacto possível no caixa da empresa. Somente com um acompanhamento próximo e seguro, é possível identificar os pontos de atenção e quais seus impactos no fluxo de caixa.

Com um software de gestão de tesouraria, monitorar os recebimentos fica mais fácil, ao passo em que contribui com mais transparência das contas gerais da empresa. Dessa forma, os gestores conseguem ter mais informações e recursos para diminuir a inadimplência empresarial.

Software Alstrategy Fluxo

GOSTOU? COMPARTILHE ESTE ARTIGO!
Tags: controladoria, Orçamento Empresarial, planejamento estratégico, planejamento financeiro, tesouraria
2023 AllStrategy. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Fresh Lab - Inteligência em Marketing Digital