Fusões e aquisições: como planejar com eficiência?

Estratégias do mundo corporativo, fusões e aquisições (M&A, do inglês Mergers & Acquisitions) representam uma condição de maturidade para os negócios. Seja ao incorporar uma nova organização à sua ou adicioná-la à sua estrutura, esta é uma ação que exige planejamento para que gere bons resultados.

Processos de M&A envolvem vários fatores e, para o planejamento estratégico de uma empresa manter-se nos trilhos, alguns pontos são relevantes – e eles vão além do valor da transação. Isso porque, a decisão também impactará diretamente na gestão e no planejamento orçamentário.

Neste artigo, você vai conhecer o que merece atenção no planejamento do seu processo – seja ele qual for -, para que tudo aconteça de forma eficiente.

 

automatize eu FP&A

Conheça a fundo a nova empresa

Seja do mesmo segmento ou não, conhecer a organização que fará parte da sua gestão é essencial para orientar-se e alcançar resultados satisfatórios. Compreender posicionamento no mercado, público-alvo e diferencial competitivo são alguns tópicos que devem ser cruzados com o que a sua empresa faz/oferece.

Também é importante entender a sua estrutura – corpo de funcionários, departamentos – e de que forma ela será inserida no seu modelo atual; e vice-versa. É possível que existam cortes. Saber como a companhia funciona auxilia a tomar decisões de forma objetiva no processo.

 

Apoie a sua gestão neste progresso

Grandes investimentos (e, claro, mudanças) por parte da organização podem gerar ansiedade e dúvidas entre os colaboradores. Neste ponto, é imprescindível cuidar do bem-estar de quem já está no seu negócio e manter a transparência durante todo o procedimento – levando em consideração o que realmente deve ser compartilhado.

Sem surpresas, envolver equipes e gestores desde o início é importante para redefinir rotas no planejamento estratégico – se necessário. O diálogo é fundamental para que isso aconteça sem gerar inseguranças, além de favorecer a participação dos times de forma clara e eficiente.

 

Acompanhe a folha de pagamento

Novos colaboradores podem ser sinônimo de mais gastos. Atente-se aos impactos do aumento da folha de pagamento, e planeje-se para evitar cortes futuros. Para isso, conte com ferramentas como softwares de planejamento orçamentário, que ajudam a visualizar as informações de maneira rápida.

A agilidade colabora para que cenários sejam projetados de acordo com os dados que condizem com a realidade orçamentária das empresas envolvidas. Manusear informações tão importantes em planilhas pode gerar o efeito contrário e comprometer seus resultados.

 

Faça uma revisão orçamentária da nova empresa

Este ponto pode ser delicado para os gestores, já que envolve questões financeiras complexas. Entretanto, é essencial fazer uma revisão orçamentária para garantir os recursos necessários para alcançar os resultados esperados. Aqui é ideal definir indicadores de desempenho e as possibilidades com a nova gestão.

Somente a partir de dados será possível compreender a sua atual posição após a fusão ou aquisição, assim como os reais impactos da estratégia no seu planejamento orçamentário. Neste contexto, a tecnologia também tem papel importante para tornar o processo mais rápido e visual, ajudando a tomar decisões assertivas, com base em informações relevantes.

Seja qual for o modelo escolhido para desenvolver sua empresa, só é factível ter um crescimento estruturado com um planejamento eficiente – e softwares de planejamento orçamentário podem agilizar o processo e potencializar resultados.

Veja mais benefícios de incluir a tecnologia na sua fusão ou aquisição no artigo “5 motivos para migrar planilhas para um software de planejamento estratégico”

 

GOSTOU? COMPARTILHE ESTE ARTIGO!
Tags:
2023 AllStrategy. Todos os direitos reservados. Desenvolvido por Fresh Lab - Inteligência em Marketing Digital